• qua. fev 28th, 2024

Da Capital a Bonito, Festival do Peixe tem pratos exclusivos em 30 bares de cinco cidades de MS

PorDa Redação

6 set 2023
Festival segue até 10 de setembro
Festival segue até 10 de setembro

Imagine embarcar em uma jornada gastronômica que percorre mais de 30 bares e restaurantes, distribuídos por seis cidades, onde se pode saborear desde o clássico ‘Peixe a Urucum’ até um inusitado ‘Pirarucu Confitado’. Esse desafio irresistível é o que a Abrasel MS – Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Mato Grosso do Sul apresenta ao público sul-mato-grossense com a realização da 2ª Edição do Festival do Peixe – Gastronomia, Pesca Esportiva e Empreendedorismo.

O Festival do Peixe já está rolando e segue até o dia 10 de setembro, e este ano bateu recorde de participantes, com mais de 30 estabelecimentos envolvidos, abrangendo as cidades de Campo Grande, Bonito, Dourados, Corumbá, Três Lagoas e, como novidade, Ponta Porã. O evento conta com a correalização do Sindha MS – Sindicato Empresarial de Hospedagem e Alimentação e é patrocinado pelo Sebrae MS.

Além de celebrar a riqueza da gastronomia regional e as nuances dos pratos que têm o peixe como estrela principal, esta edição traz uma atração extra: um Talk Show que abordará temas tão diversos como a pesca esportiva, o turismo, além de explorar os desafios do mercado.

O presidente da Abrasel MS, João Francisco Denardi, destaca que a presença marcante do peixe nos cardápios sempre foi uma tradição na culinária sul-mato-grossense. “Nosso estado sempre foi um refúgio para pescadores de todo o Brasil, que buscavam espécies como o dourado e o pintado, e mais recentemente para a pesca esportiva, uma prática que alia diversão e preservação. Como resultado, pratos à base de pescado sempre fizeram parte da rica tapeçaria gastronômica de Mato Grosso do Sul. O Festival do Peixe surge como uma oportunidade de ressaltar essa característica culinária, oferecendo aos clientes opções que vão desde pratos tradicionais, como o pacu e a piraputanga, até opções com peixes não nativos, como o salmão e o pirarucu.”

João Francisco também sublinha que o Festival, além de estimular o consumo de peixe, proporcionará aos empresários a chance de adquirir conhecimento, fortalecendo assim seus empreendimentos. “O propósito da Abrasel MS é representar e promover o setor, com foco no desenvolvimento sustentável e no fortalecimento dos nossos associados. Por isso, além da vertente gastronômica, o Festival do Peixe contemplará um Talk Show com renomados nomes do setor, que compartilharão suas experiências e oferecerão valiosas dicas para o sucesso nos negócios.”

“Com a participação de mais de 30 restaurantes, esta segunda edição do Festival do Peixe oferece uma oportunidade ímpar de explorar as nuances da regionalidade de Mato Grosso do Sul por meio de diversas receitas. Esse tipo de iniciativa destaca-se por valorizar os pequenos negócios do setor de alimentação, à medida que a população prestigia esses estabelecimentos e suas iguarias. Este é o nosso compromisso enquanto Sebrae: apoiar os pequenos empresários, gerando um maior fluxo em seus empreendimentos, o que, por sua vez, gera renda e oportunidades locais”, afirma o diretor-superintendente do Sebrae/MS, Claudio Mendonça.

Pela primeira vez, restaurantes de Ponta Porã participam de um evento organizado pela Abrasel MS, e a empresária Merces Rocha, do Cantinho do Paladar, compartilha suas expectativas em relação ao Festival do Peixe. “Participar do Festival do Peixe da Abrasel MS, mesmo sendo do interior, é uma forma de divulgar nosso restaurante, aprender com outros participantes e movimentar nosso estabelecimento.”

Merces também ressalta o entusiasmo dos colaboradores do restaurante. “Nossos funcionários estão animados por participar, pois é uma oportunidade de movimentar e incentivar o negócio, buscando a melhoria contínua. Estamos inscrevendo o prato que sempre recebe elogios em nosso cardápio, o Ceviche de Tilápia, e isso demonstra que ele é um sucesso e também promove a nossa culinária. Queremos fazer parte dos eventos promovidos pela Abrasel MS, participando e aprendendo, esse é nosso principal objetivo”, conclui.

O empresário Freddy Ayache, da La Parisienne, em Campo Grande, participará do Festival do Peixe com uma opção inusitada para o café da manhã: o Saumon & Avocado Bénédict, composto por duas fatias de pão viennois selado na manteiga, abacate, salmão gravlax, ovo com gema mole e sauce hollandaise. “O Festival chega como uma oportunidade de mostrar que o peixe harmoniza com todas as refeições. Esperamos que os clientes venham apreciar nosso prato e se encantem com esta sugestão surpreendente.”

O presidente do Sindha MS, Juliano Wertheimer, ressalta que o Festival do Peixe também contribui para fortalecer o setor de hospedagem. “Como o Festival do Peixe acontece simultaneamente em cinco cidades, incentivamos os clientes a fazerem um circuito gastronômico, viajando para outras localidades para degustar os pratos participantes, especialmente durante o feriado de 7 de setembro. Dessa forma, além de beneficiar o setor de alimentação, estaremos fortalecendo a indústria hoteleira local.