• qua. fev 21st, 2024

Entrevista debate turismo de Bonito e região

PorAnna Gomes

12 maio 2021

Uma entrevista da Rádio CBN de Campo Grande, debateu na manhã de hoje (12), temas importantes relacionados ao turismo de Bonito e região. Um dos entrevistados foi o Presidente do IDB (Instituto de Desenvolvimento de Bonito), Augusto Mariano.

Augusto foi representante da cidade para comentar como está a situação do turismo em Bonito e região. Ele também explicou como a Capital do Ecoturismo conseguiu ser exemplo nacional e até mundial em relação à segurança que oferece para seus visitantes durante o período de pandemia.

“Logo no começo da pandemia, o turismo de Bonito fechou as portas para manter a segurança dos visitantes e moradores. A cidade só voltou a funcionar após a implantação de sete protocolos de biossegurança, sendo um de cada segmento. Os turistas ainda estão com receio de viajar, o turismo só vai conseguir voltar ao normal após a população ser vacinada. Enquanto isso não acontece, procuramos da melhor forma manter todos em segurança, cumprindo as regras estabelecidas nos protocolos, usando máscara, mantendo o distanciamento, fazendo a utilização de álcool em gel. Os atrativos, hotéis e comércios também estão atendendo com uma capacidade de carga reduzida”, explicou Augusto.

O presidente do Instituto salientou a importância dos destinos de ecoturismo durante o período de pandemia. Com muito espaço ao ar livre e sem aglomerações, Bonito tem sido um dos destinos mais escolhidos pelos turistas.

“Além de toda segurança que a cidade consegue proporcionar aos turistas, também realizamos promoções aos sul-mato-grossenses com descontos de até 50%. Acreditamos que após o período de pandemia, o turismo de ecoturismo vai voltar muito forte e estamos esperançosos”, adiantou.

BONITO É CONSIDERADO DESTINO INTERNACIONAL DE TURISMO SEGURO

Premiado diversas vezes como o melhor destino de ecoturismo do Brasil, Bonito é considerado também uma atração internacional segura. O município recebeu o selo internacional de turismo seguro “Safe Travels”, criado pelo Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC – World Travel & Tourism Council).

O selo foi entregue após o município ter implementado as medidas de biossegurança preconizadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A adoção das normas em saúde e segurança foi fruto dos empresários da cidade que tiveram o apoio do Sistema S.