• qua. fev 28th, 2024

Bonito vira destaque na CNN em reportagem sobre ecoturismo

PorAnna Gomes

28 abr 2021

A cidade de Bonito virou destaque em uma reportagem publicada pelo portal da CNN. O assunto escolhido foi ‘ecoturismo no Brasil’ que mostrou como o brasileiro está redescobrindo o país e o como Bonito virou tendência de destino no pós-pandemia.

Além da Capital do Ecoturismo, a reportagem também destacou as belezas das cidade vizinhas, como Bodoquena e Jardim. A matéria ressalta os aquários naturais, águas transparentes, formações geológicas e o ecoturismo. A jornalista salienta que ‘não é Bonito, é lindo’.

“Fazendo jus ao nome, as paisagens do Cerrado se misturam com elementos da Mata Atlântica e do vizinho Pantanal, que tem uma grande influência na culinária local, tornando a região cheia de cenários peculiares”, diz um trecho da reportagem.

A profissional percorreu vários atrativos de Bonito e região e destacou que um destino para repetir a dose.

“As flutuações, passeios com snorkel em rios de correnteza suave, são as atrações mais procuradas e mais básicas de se fazer na região. Não deixe de ir ao Rio Sucuri e ao Rio da Prata: não escolha apenas um, tem que fazer os dois! Ambos oferecem experiências diferentes e igualmente impressionantes. Por ali também há cachoeiras de cair o queixo, como a Boca da Onça, maior queda d’água do estado, assim como grutas, lagoas, balneários e a maior dolina da América Latina, o Buraco das Araras”, explicou.

TURISMO SEGURO

Cumprindo rígidas regras de higiene, todos os atrativos de Bonito e região estão com as portas abertas para os visitantes. A Capital do Ecoturismo é exemplo nacional e até mundial quando o assunto é turismo seguro, sendo um dos principais destinos escolhidos pelos turistas graças aos 7 protocolos de biossegurança que foram implantados na cidade para evitar a disseminação da covid-19.

Bonito não é um município qualquer, premiado diversas vezes como o melhor destino de ecoturismo do Brasil, a cidade é considerado também uma atração internacional segura, já que recebeu o selo internacional de turismo seguro “Safe Travels”, criado pelo Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC – World Travel & Tourism Council).

O selo foi entregue após a implantação das medidas de biossegurança preconizadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A adoção das normas em saúde e segurança foi fruto dos empresários da cidade que tiveram o apoio do Sistema S.