• qua. fev 28th, 2024

Corumbá-MS promete intensificar fiscalização para evitar aglomerações

PorTayana Vaz

12 fev 2021
corumba_carnaval2018_Renê-CarneiroPMC-672x372

O Carnaval de Corumbá (MS) é a maior festa do Mato Grosso do Sul e uma das maiores do Brasil. Essa época é sempre muito aguardada pelos corumbaenses, porque além das festividades, é uma grande oportunidade de fomentar a economia local, gerar emprego e renda.

Em razão do avanço da pandemia do novo coronavírus, a prefeitura de Corumbá precisou adotar medidas que garantam a segurança da saúde da população, entre elas, o cancelamento do evento e a suspensão dos pontos facultativos do Carnaval 2021.

Ações para o Carnaval 2022

Mesmo ciente de que muita gente depende do carnaval, o município garantiu que já planeja o carnaval de 2022 com realização de qualificações para os profissionais do samba ao longo do segundo semestre.

De acordo com o assessor executivo da Fundação da Cultura e do Patrimônio Histórico de Corumbá, Sandro Asseff. “A partir do segundo semestre vamos iniciar ações, primeiro com carnavalescos realizando a Caravana do Carnaval. Vamos levar os carnavalescos para o Rio de Janeiro em agosto para conhecerem todo o processo produtivo e criativo na Cidade do Samba. No retorno, eles vão capacitar nossa mão de obra”, disse.

Segundo a pasta, serão promovidas várias ações, entre elas estão cursos presenciais e virtuais de adereços/costura/reaproveitamento; mestre-sala e porta-bandeira; bateria; passista e coreografia para comissão de frente e ala coreografada. 

Fiscalização durante o Carnaval 2021

As operações de fiscalização estão sendo discutidas pelo município para evitar que aglomerações aconteçam durante esses dias de Carnaval. 

O comandante da Polícia Militar, Elcio Almeida, disse que a Força-Tarefa inicia nesta sexta-feira (12) e o batalhão receberá reforços do Governo do Estado durante esses dias, para que além da fiscalização conjunta com a Prefeitura, também aconteçam blitz e rondas pela cidade para coibir a criminalidade nessa época.

“Queremos deixar bem claro que as pessoas que forem pegas aglomerando, tanto na rua como em casa, serão presas”, explicou o comandante Elcio, frisando que as pessoas que virem ou souberem de aglomerações podem denunciar através do 190.

De acordo com o secretário Municipal de Segurança Pública e Defesa Social, tenente-coronel da PM César Freitas Duarte, “esse ‘arrastão’ que será feito visitará o comércio e os possíveis locais onde podem acontecer aglomerações”.

O coordenador-presidente do Grupo de Fiscalização Integrada (GFI), Luciano Cruz Souza, lembrou que todos os donos de restaurantes, casas noturnas e proprietários de chácaras estão sendo avisados sobre as medidas que serão tomadas nesses dias de Carnaval. 

“Nós estamos visitando, antecipadamente, todos esses locais e entregando um ofício circular para os proprietários comunicando que se eles forem pegos serão multados e as pessoas que estiverem no local serão presas. Para que se eles forem pegos fazendo aglomeração não venham dizer que não sabiam”.

O diretor-presidente da Agência Municipal de Trânsito e Transporte (Agetrat), Lucio André Messias de Barros, informou que seus agentes também estarão nas ruas. “Nossos agentes também participarão dessa força-tarefa, intensificando as fiscalizações tanto no Centro da cidade e principalmente no Porto, pois sabemos que as pessoas costumam se aglomerar no final de semana”.